Pular para o conteúdo
Início » Notícias » PF realiza Operação Arcanjo XIV em Niterói para combater crimes de lavagem de dinheiro e corrupção

PF realiza Operação Arcanjo XIV em Niterói para combater crimes de lavagem de dinheiro e corrupção

Na manhã desta quinta-feira, 6/7, a Polícia Federal realizou a operação Arcanjo XIV, com o objetivo de combater o compartilhamento e posse de imagens de abuso sexual infantil. Durante a ação, os policiais cumpriram um mandado de prisão preventiva e um mandado de busca e apreensão na residência do investigado, ambos expedidos pela 2ª Vara Federal Criminal de Niterói.

O inquérito policial teve início a partir das investigações conduzidas pela Delegacia de Polícia Federal em Niterói, que resultaram na identificação de um usuário envolvido na venda e compartilhamento de arquivos contendo imagens e vídeos pornográficos com crianças.

A operação Arcanjo XIV reforça o compromisso da Polícia Federal no combate aos crimes relacionados à exploração sexual de crianças e busca responsabilizar os envolvidos nesse tipo de atividade criminosa.

Fonet: gov

Durante o cumprimento do mandado de busca e apreensão, foram encontrados vídeos e imagens contendo material de abuso infantil, o que resultou na prisão em flagrante do investigado pelo crime de armazenamento de material com conteúdo de abuso sexual infantil.

O indivíduo será responsabilizado pelos crimes previstos no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) e, se condenado, poderá receber uma pena de até 18 anos de prisão. Além disso, outras infrações que possam ser descobertas ao longo da investigação também poderão ser atribuídas a ele.

Fonte: PI

A operação Arcanjo XIV é uma das ações realizadas pelo Grupo de Repressão a Crimes Cibernéticos (GRCC) da Delegacia de Polícia Federal em Niterói. O nome da operação foi inspirado em Miguel Arcanjo, considerado o protetor das crianças por diversas religiões. Essas ações têm como objetivo combater e reprimir os crimes cometidos contra crianças e adolescentes na internet.