Pular para o conteúdo
Início » Notícias » Polícia realiza a prisão de quatro criminosos suspeitos de envolvimento na morte de tenente da PM

Polícia realiza a prisão de quatro criminosos suspeitos de envolvimento na morte de tenente da PM

As buscas pelo tenente da Polícia Militar, Ricardo Boide, de 54 anos, foram iniciadas imediatamente após o roubo seguido de sequestro em Itapecerica da Serra, região metropolitana de São Paulo, onde o PM aposentado residia. Durante as operações de busca, a polícia localizou dois veículos e a motocicleta pertencentes à vítima.

Os carros do tenente haviam sido levados pela quadrilha responsável pelo crime. No entanto, ainda não foi possível localizar as quatro armas de fogo que também foram roubadas do policial. O tenente foi sequestrado quando seis criminosos armados invadiram três residências na região de mata, incluindo a casa do PM reformado. Durante o incidente, a família da vítima foi feita refém e o próprio tenente sofreu agressões físicas.

Fonte: Metrópoles

Durante a noite e a madrugada, as forças policiais mobilizaram uma operação conjunta intensa na tentativa de localizar o tenente desaparecido. Infelizmente, o corpo do oficial foi descoberto na área, apresentando sinais de ferimentos causados por disparos de arma de fogo. A filha da vítima, profundamente abalada, compareceu ao local para fazer o reconhecimento do corpo de seu pai. A tristeza e o impacto emocional da perda foram evidentes durante esse doloroso momento.

Fonte: Terra

Uma operação planejada pela Polícia Civil com o objetivo de desmantelar uma quadrilha especializada em roubos a residências na região metropolitana de São Paulo resultou na prisão de quatro criminosos durante a manhã. De acordo com as investigações, esses indivíduos possuem envolvimento direto no assalto que culminou na trágica morte do policial militar.

Durante as buscas realizadas na residência de um dos suspeitos, os policiais encontraram uma aliança que pertencia à esposa do tenente. Essa descoberta fortalece as evidências da participação dos detidos no crime, proporcionando um avanço significativo na investigação em andamento. As autoridades continuam trabalhando para reunir mais provas e esclarecer todos os detalhes desse terrível incidente.

Marcações: