Pular para o conteúdo
Início » Notícias » Saúde Indígena: Assembleia Mundial de Saúde e campanhas de multivacinação se destacam na semana

Saúde Indígena: Assembleia Mundial de Saúde e campanhas de multivacinação se destacam na semana

A participação do secretário de Saúde Indígena, Weibe Tapeba, na Assembleia Mundial de Saúde da Organização Mundial de Saúde (OMS) em Genebra, na Suíça, foi um dos destaques da semana. Além disso, foram realizadas importantes agendas nos Distritos Sanitários Especiais Indígenas, reforçando o compromisso da Secretaria de Saúde Indígena com a promoção da saúde nas comunidades indígenas.

Fonte: gov


O Dsei Leste Roraima, em parceria com a Ação da Saúde Itinerante, promoveu uma atividade na Comunidade Indígena Malacacheta, no Município de Cantá (RR). Essa ação teve como objetivo levar serviços de saúde e atendimento às necessidades da comunidade indígena local.

O Dsei Alto Rio Solimões realizou uma ação de multivacinação com o dia “D” da Campanha de Multivacinação no estado do Amazonas. A iniciativa visou atualizar as cadernetas de vacinação de crianças e adolescentes menores de 15 anos, buscando aumentar as coberturas vacinais na região.

A coordenadora do Dsei Médio Rio Solimões e Afluentes, Ercilia Tikuna, visitou a aldeia Nova Esperança do Arauiri, do Povo Kokama, a convite do Cacique Cláudio Kokama. Durante a visita, ela participou da comemoração do Dia das Mães na aldeia, onde pôde presenciar a apresentação da dança cultural Kokama, preparada pelos professores da Escola Indígena. A coordenadora expressou sua gratidão pela visita e destacou a importância de momentos como esse para conhecer a realidade do povo e fortalecer as relações interpessoais.

Ercilia Tikuna parabenizou os moradores da aldeia pela bela festividade e pelo fortalecimento da cultura indígena. Ela ressaltou a importância de estabelecer uma gestão participativa, ouvindo as necessidades do povo indígena, para construir e fortalecer as políticas de saúde voltadas para essas comunidades.

Fonte: RETS

O secretário de Saúde Indígena, Weibe Tapeba, esteve presente na 76ª Assembleia Mundial de Saúde da Organização Mundial de Saúde (OMS), realizada em Genebra, na Suíça. Esta é a primeira vez na história que o Estado Brasileiro defende a aprovação de uma resolução voltada para a saúde dos povos indígenas. A minuta de resolução será avaliada pela OMS no dia 27 de maio.

Essa resolução representará um marco importante para a saúde indígena, fortalecendo ainda mais a necessidade de promover os direitos desses povos. Se aprovada, a minuta proposta pelo Brasil será adotada por todos os Estados-Membros da OMS.

Durante a Assembleia Geral da OMS, o secretário Weibe Tapeba dialogou com representantes de outros países com o objetivo de fortalecer a troca de experiências sobre iniciativas relacionadas à saúde dos povos indígenas.

Ao mesmo tempo, o Distrito Sanitário Especial Indígena (Dsei) Yanomami iniciou a capacitação de 19 novos profissionais que atuarão no Território Yanomami. Entre eles, estão médicos e enfermeiros da Organização Médicos Sem Fronteiras (MSF) e da Força Nacional do Sistema Único de Saúde (SUS). Essa iniciativa visa fortalecer o atendimento de saúde nessa região e garantir uma assistência adequada aos Yanomami.